Projeto Bagagem Literária

Projeto Realizado na escola Municipal Antônio Terêncio pela Teacher Regiane David.

Organizadora: Regiane David

Condeúba 2021

                            “Meus filhos terão computadores sim, mas antes terão livros. Sem livros, sem leitura, os nossos filhos

serão incapazes de escrever – inclusive a sua própria história.”

Bill Gates

1. APRESENTAÇÃO

O projeto de leitura/escrita intitulado “BAGAGEM LITERÁRIA” tem a pretensão de contribuir para a formação de jovens leitores críticos e participativos, capazes de interagirem em sua realidade na condição de cidadãos conscientes. Baseado num exemplo de educação continuada, tal projeto busca desenvolver a individualidade e a Leitura/escrita – faculdade essa de pensar e agir – sob o comando de que a obra da verdadeira educação é preparar os jovens para que sejam pensantes e não meros transmissores de ideias de outras pessoas.

A implementação desse projeto vem favorecer significativamente o processo ensino-aprendizagem não só nos jovens em geral, mas também nos alunos visto que propõe a colaboração para o estímulo da leitura e escrita (ao responder as perguntas das fichas propostas no material) e, consequentemente, melhorar o desempenho (rendimento) dos alunos em outras disciplinas, já que a leitura está inserida em todo o processo de ensino e no dia a dia dos educandos. Envolver os alunos cada vez mais no universo da leitura, de uma forma prazerosa, requer muita disposição e compromisso por parte daqueles que desejam construir uma sociedade mais justa e humana, enquanto aqui estamos. Estimular alguém a ler exige esforço, requer parcerias e compromisso sério por parte de todos os envolvidos no processo educacional. Por isso, tal projeto exigirá engajamento profundo de professores, alunos e pais.

2. JUSTIFICATIVA

Infelizmente a atualidade vem afastando cada vez mais os nossos jovens do ato de ler. Aspectos relacionados à tecnologia, ao acesso restrito à leitura no núcleo familiar e à falta de incentivo em diversas situações ocasionam pouco interesse pela leitura. A consequência de tudo isso é sentido na escola: vocabulário precário, erros ortográficos, dificuldade de compreensão, poucas produções significativas dos alunos e conhecimentos restritos aos conteúdos escolares e/ou de experiência de mundo. Muitos estudantes decodificam as palavras sem a preocupação de entender o que estão lendo. Isso reflete negativamente no baixo rendimento do aluno e, consequentemente, na qualidade do ensino. Logo, o projeto “BAGAGEM LITERÁRIA” justifica-se pela intenção de proporcionar aos nossos jovens e educandos condições reais de interação com o mundo letrado, e que esses descubram o prazer e a emoção da leitura.

Além disso, a leitura é um requisito para emancipação social, desenvolvimento do pensamento crítico e promoção da cidadania. Nesse sentido, pensamos ser dever de nossas instituições de ensino juntamente com pais, professores e equipe pedagógica propiciar aos nossos educandos momentos que possam despertar neles a consciência da importância de se adquirir o hábito de ler. O aluno deve perceber que a leitura é o instrumento chave para alcançar as competências necessárias a uma vida de qualidade, produtiva e com realizações.

Do hábito de leitura dependem outros elos no processo de educação. Sem ler, será quase impossível pesquisar, resumir, resgatar a ideia principal do texto, analisar, criticar, julgar e posicionar-se. Daí a nossa certeza de que o projeto “BAGAGEM LITERÁRIA” contará com o apoio de todos os que estão envolvidos no contexto educacional.

3. PÚBLICO –ALVO.

Alunos do 8° E 9º ano do Ensino Fundamental da Escola Municipal Antônio Terêncio.

4. MATERIAL

• Celular

• plataforma do Sistema Bravo

Textos informtivos sobre a pandemia.

5. OBJETIVOS

5.1 Geral

Desenvolver habilidades relacionadas à leitura, interpretação e produção de texto estimulando no escritor/educando o gosto pela leitura e escrita, ampliando o conhecimento linguístico e cultural dos mesmos, no intuito de proporcionar aos nossos alunos uma visão crítica e contextualizada dos assuntos adquiridos dentro e fora da sala de aula.

5.2 Específicos

1- Despertar o interesse e o gosto pela leitura e escrita estimulando o hábito diário da leitura.

2- Ampliar o repertório (tanto literário como não literário) por meio da leitura diária.

3- Conhecer e identificar gêneros textuais e literários diversos, possibilitando a aquisição de competências leitoras.

4- Relacionar a leitura com aspectos da realidade.

5- Possibilitar maior contato entre o leitor e o livro.

6- Desenvolver atividades interdisciplinares, dialogando com as mais diversas áreas do conhecimento.

7- Relacionar textos e ilustrações, manifestando sentimentos, experiências, ideias e opiniões. Definir preferência e construir critérios próprios para selecionar o que será lido.

8- Desenvolver o senso crítico a partir dos livros lidos e relidos.

10- Melhorar a escrita e a leitura.

 6. TEMPO

O projeto não tem data fim, mas no tocante escolar este deverá ser desenvolvido durante o período estipulado para entrega dos contos.

7. CONSIDERAÇÕES METODOLÓGICAS – BAGAGEM LITERÁRIA

 A leitura como objeto de estudo nunca foi tão discutida como está sendo nos últimos anos. Freire (2006, p. 22) define: “Leitura é, basicamente, o ato de perceber e atribuir significados através de uma conjunção de fatores pessoais com o momento e o lugar, com as circunstâncias. Ler é interpretar uma  percepção sob as influências de um determinado contexto. Esse processo leva o indivíduo a uma compreensão particular da realidade.”

Diante dessa afirmação, compreende-se o verdadeiro significado de leitura e percebe-se que ler não é meramente decifrar os códigos linguísticos, mas também compreendê-los de forma com que os mesmos formem um significante.

O ato de ler é bem mais que a definição da palavra propriamente dita, é entender, é interpretar, é debater, é comparar, é influenciar e ser influenciado, é propagar e é sentir o que o escritor tenta, através da escrita, demonstrar o que quer, o que sabe, o que pensa, o que imagina.

O conhecimento linguístico não acontece somente no ato de ler ou escrever. Desde cedo os pais devem desenvolver a linguagem dos filhos através de diversas formas de comunicação possível. A escola é o espaço privilegiado para o desenvolvimento cognitivo do educando. E, nesse espaço, privilegia-se a leitura, pois de maneira mais abrangente ela estimula o exercício da mente; a percepção do real em suas múltiplas significações; a consciência do eu em relação ao outro; a leitura do mundo em seus vários níveis e, principalmente, dinamização do estudo e conhecimento da língua, da expressão verbal significativa e consciente (AZEVEDO, 2011).

O ato de ler é um processo abrangente e complexo; é um processo de compreensão, de entender o mundo a partir de uma característica particular ao homem: sua capacidade de interação com o outro através das palavras, que por sua vez estão sempre submetidas a um contexto. Dessa forma, a interação leitor-texto se faz presente desde o início do desenvolvimento das ações do Projeto “BAGAGEM LITERÁRIA”.

 Nas trilhas do mesmo entendimento, Souza (1992, p.22) afirma: “Leitura é, basicamente, o ato de perceber e atribuir significados através de uma conjunção de fatores pessoais com o momento e o lugar, com as circunstâncias. Ler é interpretar uma percepção sob as influências de um determinado contexto. Esse processo leva o indivíduo a uma compreensão particular da realidade.

Aprender a ler é um desafio a ser superado desde o momento em que o aluno começa a frequentar a escola. O que se percebe na educação atual é que são poucos os alunos com o hábito da leitura. Ao pedir que leiam um texto em sala de aula, são inúmeras as reclamações dos alunos. Os estudantes analisam o tamanho do texto e quando o professor pergunta o que entenderam, alguns falam que não entenderam nada, pois realizaram apenas uma primeira leitura e acharam que era o bastante. Há alguns que até leem, mas não compreendem.

 Na concepção de Kleiman (2004, p. 151) ensinar a ler, é criar uma atitude de expectativa prévia em relação ao conteúdo referencial do texto, isto é, mostrar ao aluno que quanto mais ele provir o conteúdo, maior será sua compreensão; é ensinar o aluno a se auto avaliar constantemente durante o processo para detectar quando perdeu o fio; é ensinar a utilização de múltiplas fontes de conhecimento – linguísticas, discursivas, enciclopédias (…) é ensinar, antes de tudo, que texto é significativo. E assim criar uma atitude.

 Segundo Regina Zilberman em seu livro “Leitura em crise na escola: as alternativas do professor”, 1993, afirma que “de acordo com o amadurecimento do leitor, verifica-se uma diferente motivação e interesse pela leitura”. Logo, a leitura em sala de aula é de fundamental importância para a formação do educando, uma vez que é a partir do domínio da leitura que o aluno passa a ter competência de entender os conteúdos impostos para cada série, e foi pensando nisso que o projeto “BAGAGEM LITERÁRIA” preparou uma antologia de contos  para serem desenvolvidos pelos alunos do fundamental II.

PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS

O projeto “BAGAGEM LITERÁRIA” pode ser desdobrado em um leque de atividades, desde que o professor tenha boa vontade de trabalhar a leitura de maneira enfática em sala de aula e fora dela. Daremos sugestões viáveis para que tal projeto se concretize nas escolas.

EQUIPE PEDAGÓGICA

Muito importante o engajamento da equipe pedagógica com as seguintes atividades:

1. Reunião com os professores para apresentação do projeto e explicação detalhada;

2. Aquisição do acervo necessário para que todos os alunos se envolvam no projeto.(virtual)

3. Preparo de ambientes estimuladores à leitura; 

4. Estabelecimento do “Dia da Leitura” que deverá acontecer toda semana. Nesse dia, poderá ser lido e debatido com os alunos textos de revistas, jornais, notícias, textos sobre o tema escolhido

5. Confecção de murais sobre o projeto;

6. Organização de oficinas de leitura pela internet

7. Organização de uma feira literária kids ou outro evento em que se concretize a leitura dos alunos;

8. Separação do acervo na biblioteca da escola e organização dos livros.

9. Realizar o “Lançamento do Projeto” convidando um contador de histórias, um autor de livro ou preparando um teatro.

10. No final do projeto os alunos terão seus contos publicados em um livro virtual disponível na plataforma de ensino (Sistema Bravo).

 11. Caso todos os envolvidos estejam de acordo a coletânea poderá ser publicada no formato físico.

Idealizadora do projeto: Regiane David 

Nota: Projeto desenvolvido em meio à Pandemia do Covid-19 através da plataforma de ensino Sistema Bravo.

REFERÊNCIA

AZEVEDO, Ricardo. Literatura infantil: origens, visões da infância e certos traços populares. Disponível

http://www.ricardoazevedo.com.br/Artigo07.htm, acesso em 15/07/2016.

FREIRE, P. A importância do ato de ler. 41ª ed, São Paulo: Cortez, 2006.

FREIRE, P. A importância do ato de ler. 41ª ed, São Paulo: Cortez, 2001.

GADOTTI, M. Educação e Poder: Introdução à pedagogia do conflito. São Paulo: Cortez, 1980.

GERALDI, J. W. O texto na sala de aula: prática da leitura de textos na escola. 2 ª ed. Cascavel: Assoeste, 1984.

KLEIMAN, Ângela B. & MORAIS, Silvia E. Leitura e interdisciplinaridade: tecendo redes nos projetos da escola. Campinas, SP: Mercado das Letras, 2004.

SOARES, Magda. Linguagem e Escola: uma perspectiva social. São Paulo, Ática, 1986. Revista Nova Escola. Ed. Abril. Dez/2005.

SOUZA, Renata Junqueira de. Narrativas Infantis: a literatura que as crianças gostam. Bauru: USC, 1992.

WHITE, Ellen G. – Educação. 6ª. ed. Tatuí-SP: Casa Publicadora Brasileira, 1996.

WHITE, Ellen G. – Conselhos aos Pais, Professores e Estudantes. 7ª. ed. Tatuí-SP: Casa Publicadora Brasileira, 1998.

PROJETO LER É UMA AVENTURA. Disponível em:  https://educacional.cpb.com.br/wpcontent/uploads/2017/10/projeto_ler_e_uma_aventura.pdf

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s